Libras nas escolas: Zenaide Maia apresenta projeto de lei inspirado em sugestão de estudante surda

Ouvir Áudio

A senadora Zenaide Maia (Pros – RN) é autora do PL 5.961/2019, que modifica a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (Lei nº 9.394/96) para incluir conteúdos relativos ao ensino da Língua Brasileira de Sinais (Libras) nos currículos dos ensinos fundamental e médio. O projeto foi inspirado na primeira sugestão legislativa enviada em Libras para o portal E-cidadania, pela Anne Drielly, de Santa Maria (DF), que é deficiente auditiva. No vídeo, a estudante explica que, apesar de estudar em uma escola inclusiva, ela não consegue se comunicar com a maioria de seus colegas, pois eles não sabem o básico da Língua Brasileira de Sinais. “Quero falar sobre um problema sério que existe nas escolas inclusivas, que se trata da falta de comunicação entre surdos e ouvintes. Por exemplo: quando o surdo usa Libras e o ouvinte não, não há como eles se comunicarem. A solução seria a criação de uma lei para que em todas as escolas inclusivas houvesse ensino de Libras para surdos e ouvintes”, sugeriu Anne.

(Veja mais…)

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *