Rússia produz primeiras doses de vacina contra Coronavírus

Ouvir Áudio

O primeiro lote da vacina Sputnik V, criada pela Rússia para combater o coronavírus, ultrapassou 15 mil doses.

A informação foi publicada, nesta segunda-feira (17), pela assessoria de imprensa da fábrica farmacêutica Binnopharm.

O diretor do Centro de Microbiologia e Epidemiologia Gamaleya, Alexandr Ginzburg, que desenvolveu a vacina, indicou que nos próximos sete ou dez dias começarão os estudos após o registro do preparo, nos quais dezenas de milhares de pessoas serão vacinadas.

Guinzburg destacou que os estudos vão durar entre quatro e seis meses, mas isso não impedirá o início da vacinação em massa da população, que, como declararam as autoridades do país, será voluntária, informa a agência EFE.

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *