Início Cidade Nota de esclarecimento do presidente da Câmara de Pendências, sobre suposto vídeo...

Nota de esclarecimento do presidente da Câmara de Pendências, sobre suposto vídeo que está sendo veiculado

30
0
Ouvir Áudio

Em razão da circulação de um vídeo antigo, gravado no início de 2015, antes mesmo do meu ingresso na vida pública, Eu, Alexandre Montenegro, venho por meio desta nota esclarecer a situação, por uma questão de respeito aos meus conterrâneos de Pendências, cidade onde eu vivo, sempre vivi e jamais tenho pretensão de sair.
Hoje, enquanto vereador eleito pela vontade popular e presidente do Poder Legislativo Municipal, sei da responsabilidade e do meu dever de honrar a confiança em mim depositada pelo povo que me escolheu para representá-lo.
No vídeo em que apareço fazendo uma brincadeira (de mal gosto reconheço), trata-se de uma gravação antiga, que aconteceu há 06 anos (tenho como provar), antes mesmo de eu ter pretensão de entrar na vida pública.
É claro que não justifica o ato e nem tira minha consciência que, naquele momento, cometi um erro.
Mas é triste ver que adversários políticos utilizam todo tipo de expediente para me atacar.
Eu sempre fui uma pessoa trabalhadora, com uma história limpa. Jamais zombaria da humildade das pessoas, cresci com pessoas humildes e sou humilde. A exposição desse vídeo antigo, feito numa brincadeira para um grupo de “amigos”, quando eu era mais jovem, para me atacar politicamente, é fazer da velha política de ataques desnecessários para minar a imagem e honra de adversários, o que jamais aceitarei.
Reafirmo, consciente que no auge da juventude cometi um erro ao brincar com aquele vídeo. Mas é lamentável que pessoas de má-fé guardaram o material, para um dia usar contra mim e tentar criar uma situação política desfavorável.
O real motivo da divulgação deste vídeo, foi por que fui eleito pela 2 vez Presidente da Câmara de Pendências, o que gera revolta desse tipo de gente que sobrevive praticando ilícito penal, (agiotagem) extorquindo pessoas vulneráveis financeiramente, isto sim é desumano.
Felizmente, o povo de Pendências me conhece e me elegeu porque sabe da minha história.
Encerro afirmando que não fui o primeiro e nem o último jovem a errar, mas tenho humildade suficiente para reconhecer que amadureci e não cometerei os mesmos erros do passado. Assim, peço desculpas a todos pela brincadeira infeliz do passado e reafirmo meu compromisso de trabalhar por Pendências e pelo meu povo amado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui