A Prefeitura de Mossoró suspendeu através de memorando circular o patrulhamento fixo (ponto base) da Guarda Civil que vinha sendo realizado pelos guardas em alguns prédios do município. Com a decisão do governo municipal locais como Parque Municipal, PAM do Bom Jardim e Conselhos Tutelares, zonas eleitorais, e plantão social ficarão sem a vigilância fixa da Guarda Civil.

A partir de agora, esses locais perdem a cobertura fixa de 24 horas e somente terão a presença dos guardas civis municipais através do patrulhamento móvel em viaturas. houve alteração também no que diz respeito a jornada de de trabalho nos postos da Procuradoria, Cobal e Tributação, onde a jornada de patrulhamento que era de 24 horas reduziu para 12 horas. A Prefeitura explica que a medida atende a cumprimento de decreto de calamidade financeira do município decretada recentemente pelo prefeito Alysson Bezerra.
Nota
A Guarda Civil de Mossoró realocou efetivo de alguns órgãos municipais para economizar diárias operacionais, em cumprimento ao decreto de calamidade administrativa e financeira da Prefeitura de Mossoró.

A economia prevista é de cerca de R$ 115 mil por mês. Para tomar a decisão, o comando da Guarda observou que em alguns órgãos, como SAMU e Conselhos Tutelares, a segurança pode ser feita por patrulhamento móvel. Em outras unidades administrativas, haverá a mescla entre presença fixa e por ronda. A intenção é conciliar a segurança do patrimônio público com a necessidade de economia de recursos públicos, ao mesmo tempo em que reforça o patrulhamento nas ruas de Mossoró, por meio de rondas móveis

Secretaria de Comunicação Social/PMM

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui