Idoso morre com Covid-19 depois de receber segunda dose da vacina

Ouvir Áudio

Um idoso do lar do município de Viver, em Valência, na Espanha, morreu nesta segunda-feira após ter recebido duas doses da vacina contra o coronavírus e, mesmo assim, ter contraído o vírus.
O homem foi vacinado com a vacina da Pfizer, pela primeira vez, no dia 29 de dezembro. Já a segunda dose foi administrada no dia 19 de janeiro. Entre a primeira e segunda dose, o idoso acabou contraindo a doença, dado que, uma única dose não é suficiente para ficar imune.

Segundo referiu uma fonte das autoridades sanitárias à ABC, os médicos analisam “caso a caso” para decidir se devem inocular a segunda vacina para pessoas infectadas com Covid-19, isto depois de já terem recebido a primeira. O idoso em causa levou a segunda dose, mas acabou por falecer nesta segunda-feira, vitima de uma “uma pneumonia bacteriana”, provocada pelo vírus mortal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *