Juliette afirma ter crises de ansiedade e estar assustada com a fama

Ouvir Áudio

Foto: André Nicolau/Extra

A rotina de Juliette Freire, campeã do “BBB 21” tem estado mais puxada que prova de resistência do reality global. A fama arrebatadora e a agenda cheia de compromissos têm tirado o sono da paraibana, de 31 anos, que tem conseguido dormir muito pouco por conta da ansiedade.

“Comecei a ter problema de ansiedade no início da pandemia, mas não era algo patológico, a se tratar. Agora, está muito intenso, chego a me tremer toda. Tenho medo de tudo”, afirmou Juliette em entrevista.

“Quando tem muita gente junta, temo que as pessoas se machuquem. Quando falo, temo machucar alguém. Tenho receio de usar uma palavra errada. Eu me assusto com o poder da minha opinião e as consequências dela”, prosseguiu.

A maquiadora e advogada afirmou ter procurado um padre para falar sobre o que está vivendo. “Tive uma conversa muito boa com ele sobre a questão do endeusamento, que me deixa angustiada. Sei que eu sou uma pessoa que vai falhar. Falho todos os dias. Do mesmo jeito que a repercussão tem sido muito positiva, pode vir a ter efeito contrário”, afirmou.

Ela completou que espera que os “cactos” (como são chamados os fãs da paraibana) tenham empatia com ela. Juliette afirmou também que, desde o fim do BBB 21, em 4 de maio, ainda não conseguiu dormir direito.

“No dia em que consegui descansar melhor, foram cinco horas de sono. Nos outros, duas ou três horas ou não dormi. Também não tenho conseguido me alimentar direito por causa da ansiedade.”

VEJA MAIS EM JORNAL EXTRA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *