Autônomo espancado no bairro Santo Antonio morre na Delegacia de Plantão em Mossoró
Entenda o caso:

Ouvir Áudio

ClaudioCláudio Pereira da Silva de 49 anos de idade, residente na Rua Raimundo Uchôa, no Dom Jaime Câmara em Mossoró, foi detido pela Policia Militar e conduzido para a Delegacia de Plantão, no início da noite de terça-feira, 29 de junho, acusado de tentar tocar fogo na casa da ex-esposa, na Rua Francisco Pascoal, no bairro Santo Antonio.

Por volta de 01h30min da madrugada de hoje, 30, quando os agentes foram retirá-lo da cela para ser ouvido pelo Delegado Renato Oliveira, encontraram Cláudio, sangrando e já desacordado. Uma equipe do Samu foi ao local e constatou a morte. A equipe de plantão no Itep realizou a perícia e fez a remoção do corpo para exames na Unidade do órgão em Mossoró, onde foi constatada uma lesão na cabeça compatível com espancamento.

Segundo informações, na noite de ontem, Cláudio foi a rua Francisco Pascoal, com um vasilhame contendo gasolina para queimar a casa da família da ex-esposa e foi impedido pela padrasto da mesma, que o agrediu com uma paulada na cabeça. Segundo o Delegado, ele chegou a delegacia aparentando está embriagado e não reclamava nenhum incomodo de agressão.

O trauma na cabeça provocado pelo espancamento foi constatado pelo Médico Legista do Itep, que comunicou o fato ao delegado Renato Oliveira. Francisco das Chagas da Silva, 36 anos de idade que é padrasto da ex-mulher de Cláudio foi localizado no seu local de trabalho e confessou o crime. Ele foi conduzido para delegacia de homicídio e como não estava mais em situação de flagrante, foi ouvido e liberado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *