Sindicato vai à Justiça contra retorno das aulas presenciais no RN.

Ouvir Áudio

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Rio Grande do Norte (Sinte/RN) vai recorrer da decisão do juiz Artur Cortez Bonifácio, da 2ª Vara da Fazenda Pública de Natal, que determinou no último domingo (11) o retorno das aulas presenciais na rede pública estadual de ensino. O Sinte/RN pede a completude da imunização contra a Covid-19 dos profissionais da categoria para voltar às atividades em sala de aula.

A Secretaria Estadual de Educação e Cultura (SEEC) informou nesta segunda-feira (12) que vai acatar a decisão e as atividades nas escolas públicas devem ser retomadas a partir do próximo dia 19. Em Natal, o calendário escolar está definido e mantido para que as aulas presenciais comecem a retornar nesta quarta-feira (14), mesmo com a ameaça de greve por parte dos professores da rede municipal. As aulas presenciais estão suspensas na rede pública de ensino do RN desde o dia 17 de março de 2020.

De acordo com a coordenadora geral do Sinte/RN, Fátima Cardoso, o departamento jurídico do sindicato irá se mobilizar assim que for notificado da decisão. “É uma decisão que podemos recorrer e vamos recorrer, uma vez que não existe a imunização dos trabalhadores em educação, se a gente tivesse a imunização, o momento estava propício para voltar. Vamos continuar as atividades remotas e vamos aguardar a imunização para poder retornar presencialmente”, comentou. Essa posição já havia sido anunciada na semana passada.

Tribuna do Norte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *