Jovem morre de “velhice” após completar 18 anos. Entenda.

Ouvir Áudio

A britânica Ashanti Smith tinha acabado de completar 18 anos quando morreu devido a um distúrbio genético raro que acelera o processo de envelhecimento. Segundo o jornal Daily Mail, a jovem sofria da Síndrome Hutchinson-Gilford e tinha o corpo de uma idosa.

A síndrome, também conhecida como progeria, fazia com que Ashanti envelhecesse cerca de 8 anos para cada ano que completava. Ela também lidava com perda de peso e de cabelo, osteoporose, artrite e insuficiência cardíaca.

Mãe da jovem, Phoebe Louise Smith homenageou a filha nas redes sociais. “A vida de Ashanti foi uma alegria. Mesmo que a progeria afetasse sua mobilidade, ela não afetou mais nada. Todos amavam e adoravam aquela menina. Ela tocou muito o coração deles com sua força de vontade”, escreveu.

Phoebe contou que a britânica faleceu após um passeio no parque. Ao chegar em casa, ela se sentiu mal. Conforme a mãe, as últimas palavras da garota foram: “Mãe, eu te amo. Você tem que me deixar ir”.

Fonte: Metrópoles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *