Bolsonaro repete ameaças às eleições de 2022

Ouvir Áudio


Em um vídeo exibido durante as manifestações a favor do voto impresso no último domingo, 1º, o presidente Jair Bolsonaro voltou a dizer que as eleições em 2022 poderiam não acontecer.   

“Sem eleições limpas e democráticas, não haverá eleição”, afirmou.  

A cantilena com ar golpista ganhou um ritmo mais intenso nos últimos tempos, coincidindo com a pior da popularidade do presidente e a divulgação de pesquisas mostrando que ele perderia hoje para os principais adversários em uma disputa de segundo turno no próximo pleito.  

Somente no último mês, Bolsonaro repetiu pelo menos sete vezes a ameaça de não termos eleições em 2022 caso a PEC do voto impresso não seja aprovada.  

O negacionismo eleitoral ignora o fato de que as urnas eletrônicas se mostram confiáveis, sem qualquer episódio grave de problemas desde a adoção do sistema.  

Há três anos acusando fraudes nas urnas eletrônicas e argumentando ter como demonstrar que houve já a manipulação do sistema, o presidente admitiu não ter provas disso, apenas indícios, em uma live na última quinta, 29.  

One thought on “<strong>Bolsonaro repete ameaças às eleições de 2022</strong><br>

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<