Menino achado morto pela mãe pode ter sido asfixiado com manta ou almofada

Ouvir Áudio

A polícia do Paraguai suspeita que o menino de dois anos encontrado morto em casa pela mãe, na última quarta-feira (1º), em Pedro Juan Caballero, pode ter sido asfixiado com uma manta ou almofada. As informações são do portal G1.

“O mais provável é que tenha sido um acidente. Não vemos razão para a morte ter procedido de outra maneira, pois se trata do irmão. Nós analisamos e chegamos a esta conclusão”, afirmou Hugo Diaz, do serviço de investigação da polícia, em Pedro Juan Caballero.

A situação aconteceu depois de a mãe ter saído de casa no início da manhã para trabalhar. Ela tinha deixado o filho mais novo sob os cuidados do mais velho, um adolescente. Porém, quando ela voltou para casa, se deparou com o filho caçula morto e o outro desaparecido.

“Uma das informações que se sabe é que os dois irmãos estavam brincando antes da morte do mais novo. Jogando entre eles. O médico legista analisou o corpo e viu que ele não tinha nenhuma lesão externa e interna. Não observaram fraturas. A causa da morte foi diagnosticada como asfixia acidental. É muito provável o uso de uma manta ou almofada para asfixiar a criança. Na casa só se encontrava as crianças. É uma hipótese que se apresenta”, resumiu a autoridade.

“O mais provável é que os irmãos estavam brincando antes da morte. O mais velho teria se irritado com algo e teria asfixiado o menor. É provável, não podemos descartar esta possibilidade. O irmão mais velho era o único que estava em companhia com o irmãozinho mais novo. As únicas pessoas que estavam na casa, no momento da morte, eram os dois irmãos”, explicou.

Do Isto É

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *