Cada gol de Neymar pelo PSG valeu quase R$ 35 milhões até agora

Ouvir Áudio

YOAN VALAT/EFE/29-08-21

A transferência de Neymar para o PSG, em 2017, foi a maior em termos de valores financeiros da história do futebol mundial. Mas, além dos 222 milhões de euros pagos pelo clube francês ao Barcelona, os gastos do PSG chegaram a quase 490 milhões de euros (R$ 3 bilhões).
O jornal El Mundo teve acesso ao contrato inicial do jogador com o PSG e, pelas cláusulas, os gastos incluíam os salários brutos anuais de 43.334.400 (R$ 265 milhões) e uma cláusula que previa o pagamento de 50.556.117 de euros (R$ 311,8 milhões) se o jogador permanecesse no clube, a título de bônus. Os valores totais da transação nos cinco primeiros anos somaram 489.228.117 euros.

Desde que estreou no clube francês, em 13 de agosto de 2017, dez dias depois de assinar o contrato, Neymar marcou 87 gols em 117 partidas. Já na estreia, contra o Guingamp, ele marcou um gol e deu uma assistencia para Cavani, com quem teve algumas rusgas no início, principalmente em janeiro de 2018 quando, contra o Dijon, não deixou o uruguaio cobrar um pênalti.

Neymar foi a estrela do jogo, marcou quatro gols e mesmo assim foi vaiado pelo exigente, e muitas vezes estranho, público francês. Em janeiro de 2021, completou sua centésima partida pelo clube, para o qual foi determinante para uma mudança de patamar.

O craque foi um dos protagonistas nas campanhas que levaram o PSG à final e à semifinal da Champions em 2020 e 2021.

E se o valor investido no jogador fosse dividido pela quantidade de gols, cada tento de Neymar pelo PSG até agora valeu 5,6 milhões de euros (R$ 34,5 milhões).

Uma quantia bem cara, mas que é válida no sentido de trazer maior visibilidade ao clube, que arrecadou muito mais com a presença do jogador em campo, e levou o PSG para a condição de um dos clubes grandes da Europa, isso sim, algo imensurável.

Do R7

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *