Preso homem que matou primo da esposa por ciúmes em festa familiar

Ouvir Áudio

Goiânia – A Polícia Civil de Goiás prendeu um vendedor, de 33 anos, suspeito de ter matado, a tiros, o primo da esposa, depois de uma crise de ciúmes, durante uma confraternização entre familiares da esposa.

O crime ocorreu no dia 23 de julho de 2021, em Anápolis, a 60 km de Goiânia. A prisão foi na manhã desta segunda-feira (20/9).

Foto: PCGO

De acordo com o Grupo de Investigação de Homicídios (GIH), responsável pela investigação, o vendedor começou a sentir ciúmes da esposa durante a festa familiar, acreditando que um primo dela a estava assediando.
Tiros contra convidados

O homem e a mulher deixaram a confraternização e tiveram uma discussão. O vendedor, então, voltou ao local armado e abriu fogo contra alguns convidados. O primo da esposa, Leandro Dias Pereira, de 37 anos, morreu na hora.

Já outros dois convidados da festa foram atingidos no braço e perna. Eles sobreviveram.

Após investigação, a polícia localizou o suspeito em Niquelândia (GO), no norte do estado. Ele admitiu que usou drogas antes da confraternização e confessou o crime, mas disse ter agido em legítima defesa.

Testemunhas que presenciaram o crime desmentem a versão do suspeito. O nome do vendedor não foi divulgado. A prisão foi feita com apoio da Genarc de Niquelândia.

Do Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<