DEICOR, DENARC,PRF e MPRN: Ação integrada cumpre mandados em Natal, Macaíba e Tibau do Sul

Ouvir Áudio

Foto: Reprodução

Os Policiais Civis da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado – DEICOR, em uma ação integrada com a DENARCPRF/RN e Ministério Público de Canguaretama, deram cumprimento a três mandados de prisão e sete mandados de busca e apreensão, na manhã dessa terça-feira, 21, nas cidades de Natal, Macaíba e Tibau do Sul (praia de Pipa).

Foram cumpridos os mandados em desfavor de Elixeli Martins de Melo, vulgo “Elixeli”, Claudio Pereira de Souza, vulgo “Kall de Pipa” e Thiago Felipe Rodrigues Pereira, vulgo “Thiago Cabeção”.

Durante o cumprimento dos mandados, duas pessoas foram autuadas em flagrante delito por posse ilegal de arma de fogo de uso permitido. Esse grupo já estava sendo investigado pela DEICOR e DENARC pois tratavam-se de assaltantes bastante perigosos e que atualmente passaram a traficar drogas.

Elixeli já foi preso pela DEICOR por roubos a bancos, enquanto que “Thiago Cabeção” foi condenado por um crime que chocou o RN em 2009, a morte da estudante Maria Luíza, adolescente de 15 anos.

No dia 25 de Julho de 2021, após um trabalho integrado entre a DEICOR e a PRF, na cidade de Canguaretama/RN, foram apreendidos 106 kg de maconha dentro de um veículo. Essa droga pertenciam a Elixeli e Claudio Cabeção.

Durante o cumprimento das buscas foram apreendidos diversas porções de maconha, elevada quantia em dinheiro, balança de precisão, duas armas de fogo e três veículos.

O promotor de Justiça da cidade de Canguaretama acompanhou o cumprimento de um dos mandados, presenciando no momento em que um dos presos quebrou o celular, momento em que o promotor deu voz de prisão por fraude processual. A Polícia Civil pede para que a população continue enviando informações de forma anônima, através do disque denúncia 181, disque DEICOR (84) 3232-2862. As informações são da pagina Noticias no Face Oficial

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<