RN registra queda no abate de animais e aumento da produção de leite e ovos

Ouvir Áudio


No segundo trimestre de 2021, o Rio Grande do Norte abateu 15.603 cabeças de bovinos – dentre bois, vacas, novilhos, novilhas, vitelos e vitelas -, o que corresponde ao segundo menor número destes animais abatidos desde 2005.  

Nos últimos 16 anos, a quantidade de abates de bovinos em um trimestre só foi menor no trimestre anterior, quando foram abatidos 14.230 animais para consumo. 

O trimestre atual, portanto, apresentou um crescimento de 9,6% no abate de bovinos no RN em relação ao anterior, porém uma redução de 16,9% quando comparado ao 2º trimestre de 2020.  

Trata-se de dados divulgados pela Pesquisa Trimestral de Abate, divulgada pelo IBGE neste mês de setembro. 

Produção de ovos de galinha no RN bate recorde  

No somatório de abril, maio e junho de 2021, o RN produziu 9,9 milhões de dúzias de ovos de galinha, registrando a maior quantidade deste produto de origem animal de toda a séria histórica da pesquisa – que começou em 1987.  

Esta produção tende a aumentar, tendo em vista que o número de galinhas poedeiras também foi o maior já observado para o estado: cerca de 1,6 milhão. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<