Pais são presos suspeitos de permitir sexo oral na filha de 10 anos

Ouvir Áudio

Goiânia – Os pais de uma menina de 10 anos foram presos por suspeita de permissão do estupro da criança. Segundo a Polícia Militar, após uma tarde de bebedeira na presença à beira de um rio, um amigo do casal teria instigado os pais a liberarem o ato. A mulher dele, então, teria feito sexo oral na garota. O caso aconteceu no município de Itaberaí, distante cerca de 100 km da capital goiana.

O crime aconteceu na última segunda-feira (18/10), data em que os quatro envolvidos foram presos pela Polícia Militar. Conforme consta na ocorrência, após o ato, o amigo dos pais mandou que a menina fosse embora com uma amiga deles, alegando que a mãe dela estava bêbada e “dando trabalho”.

De acordo com a Polícia Civil, os dois casais já foram interrogados. Os pais da criança e a mulher suspeita de ter praticado o ato libidinoso contra a garota ficaram em silêncio. O amigo disse ser inocente.

Ainda segundo o relato policial, no caminho de volta para casa, a mulher levou a criança para um mato e a estuprou. Ao chegar à residência, a criança relatou o fato à avó, que acionou o Conselho Tutelar da cidade.

A Polícia Civil informou que a menina passou por exames de corpo de delito ainda na segunda-feira, mas o laudo não havia ficado pronto até a tarde desta quinta-feira (21/10). A corporação declarou ainda que foi feito um documento garantindo à avó a guarda da criança até que o inquérito seja concluído.

Os quatro suspeitos continuavam presos até o fim desta tarde no presídio da cidade.

Do Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *