Travestis rasgam orelha e quebram 3 dentes de policial federal

Ouvir Áudio

Foto: reprodução

Um policial federal foi espancado por pelo menos três travestis na madrugada deste sábado (23/10), na Avenida Colombo, no município de Maringá (PR). As imagens mostram o momento em que elas reclamam de falta de pagamento por um programa.

A gravação flagrou diversos golpes desferidos contra o agente. A confusão ocorreu em frente ao prédio da Secretaria de Mobilidade (Semob) do município. O federal, de camiseta cinza, tenta fugir, mas em certo momento, uma delas grita: “Não deixa ele entrar no carro”. Uma outra afirma que o policial a ameaçou com uma arma.

Outra tomada mostra o homem caído no chão, com agentes da Semob no local após intervenção para conter o linchamento. Ainda assim, uma travesti levanta a cabeça do policial caído e acerta outro golpe. “Se mostra agora, mostra o seu rosto”, grita.

Segundo o boletim de ocorrência registrado na Polícia Civil do Paraná (PCPR), o agente teve três dentes quebrados e uma orelha rasgada, além de várias lesões pelo corpo.

Questionado na delegacia sobre como teria começado a confusão, ele afirmou não lembrar de nada. O homem apresentou carteira funcional da corporação, confirmando ser servidor. Apesar disso, no documento consta ser “agente federal sem posse de arma”. O Metrópoles questionou a PF sob o por quê de o funcionário público estar com o posse de arma suspenso, mas não obteve resposta até a última atualização deste texto.

O homem foi levado à 9ª Subdivisão Policial de Maringá, já que estava com uma arma de fogo, da Tauros, modelo G2C, calibre 9mm. A arma de fogo foi apreendida. Nenhuma das travestis foi detida.

Veja o vídeo:

Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *