Bolsonaro elogia Merkel e diz que gostaria de ter dançado com a alemã

Ouvir Áudio

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) elogiou a chanceler alemã, Angela Merkel, e disse que, se tivesse um salão de dança no local onde ocorreu o jantar com líderes do G20, no sábado passado (30/10), em Roma, dançaria com ela.

No mesmo jantar, o chefe do Executivo brasileiro estava andando de costas, quando, sem querer, pisou no pé da chanceler. “Só podia ser você”, respondeu Merkel, em tom de brincadeira, de acordo com o presidente. ‘Fiquei feliz que ela me conhecia. Ela podia não me conhecer”, assinalou o mandatário.

“Começamos a bater um papo, meia hora de conversa. Excepcional. Diferente daquela mulher que a gente vê sempre sisuda. Parece que sempre está ocupada com muita coisa. Uma mulher descontraída. Se tivesse um salão de dança, com toda certeza ia dançar com a Angela Merkel”, disse Bolsonaro aos risos.

Segundo relatos, ao final do evento, o primeiro ministro da Itália, Mário Draghi, teria pedido uma salva de palmas a Merkel. Após o início dos aplausos, Bolsonaro se levantou e pediu que outros líderes também a aplaudissem de pé.

Fonte: Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *