Mulher é obrigada a ficar deitada e abraçada na cama com agressor

Ouvir Áudio

kittisak Jirasittichai/EyeEm/Getty Images

Após ser agredida, uma jovem de 19 anos (não identificada) foi forçada a ficar deitada e abraçada a noite toda com o suspeito, um homem de 36 anos, em Paranaíta (a 851 km de Cuiabá). O agressor não tentou manter relações sexuais com ela, conforme consta em ocorrência na Polícia Militar. Ele foi preso.

Não consta na ocorrência se a jovem e o homem tinham algum relacionamento. Ela começou a ser mantida em cárcere no final da noite de sábado (20) e liberdade por volta das 6h do domingo (21). Segundo a ocorrência policial do 4º Pelotão da PM, tudo começou quando o suspeito e a vítima começaram a discutir dentro do carro da jovem.

O homem, que era o motorista, parou o veículo e começou a agredi-la com tapas, puxões de cabelo, além de ter sido enforcada e jogada. Depois das agressões, a vítima foi forçada a ficar em sua casa. Ele tomou todos os pertences, chave do carro e celular. Por fim, ela foi mantida trancada no quarto junto com o suspeito.

A vítima conta que o suspeito não tentou manter relações sexuais, mas ficou deitado ao seu lado na cama e abraçado com ela. Ela passou a noite toda assim. Foi só liberada cerca de 6h do domingo e logo procurou a Polícia Militar.

Após a denúncia, uma guarnição da PM foi até a casa do suspeito e o encontrou na varada dos fundos. Foi dada voz de prisão e conduzido até a sede do pelotão para registro do boletim de ocorrência. A Polícia Civil de Paranaíta vai investigar o caso.

Do RD News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *