Brasileiro morde rival ao estrelar no UFC e é demitido.

Igor Severino, ex-campeão peso-mosca do Jungle Fight, foi demitido do logo do UFC em sua estreia. O lutador paraense deu uma mordida em André “Mascote” Lima . A notícia foi divulgada durante a transmissão oficial do evento, que ocorreu na noite desse sábado (23/3).

“Se você se frustrar e quiser sair da luta, há muitas formas de fazê-lo, mas a pior coisa que você pode fazer é morder seu adversário. Agora, você é cortado e perde a maior oportunidade da sua vida. Sem mencionar que ele vai ter problemas sérios com a (Comissão Atlética de Nevada)”, disse Dana White, chefão do UFC ao jornalista estadunidenses Kevin Iole.

André Mascote ficou com a marca da morida, mas teve motivos para sorrir. Além da vitória pela desclassificação do rival, o baiano recebeu um bônus de US$ 50 mil (cerca de R$ 250 mil).

Em comemoração, Mascote tatuou a mordida de Igor Severino: “Literalmente, ele era um pitbull”, brincou.

Confira o momento:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *