Connect with us

Brasil

Falha em usinas eólicas e solares do Ceará causou apagão de 15 de agosto, diz ONS

O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) concluiu que uma falha no controle de tensão de energia de usinas eólicas e solares no Ceará causou o apagão de 15 de agosto, deixando 25 estados e o Distrito Federal sem energia elétrica. A informação está no primeiro relatório do operador nacional do sistema sobre o apagão divulgado nesta terça-feira (26).

Segundo o ONS, a linha de transmissão que liga Quixadá a Fortaleza, no Ceará, se desligou por uma falha em um equipamento do sistema de proteção dela e os equipamentos de controle de tensão do sistema de usinas eólicas e solares da região, que deveriam compensar automaticamente essa falha no fornecimento de energia, falharam.

“Esses dispositivos das usinas deveriam compensar automaticamente a queda de tensão decorrente da abertura da linha de transmissão, porém o desempenho no momento da ocorrência ficou aquém do previsto nos modelos matemáticos fornecidos pelos agentes e testados em simulações pelo ONS”, diz o comunicado.

A prévia do relatório, que será finalizado até 17 de outubro, revela a necessidade de adoção de providências pelos agentes do setor, tanto geradores eólicos e solares quanto o próprio ONS, em ações que terão que ser implementadas até julho de 2024.

“As providências vão desde ajustes em proteções, passando por problemas na comunicação com os agentes no momento da recomposição, até a validação dos modelos matemáticos de todos os geradores eólicos e fotovoltaicos, entre outras”, disse o operador.

Com informações da Tribuna do Norte

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *