Jovem m4ta namorada grávida para não ter que apresentá-la à família

Uma jovem de 20 anos e grávida de sete meses foi cruelmente ass4ssinada pelo próprio namorado, de 22. Mulçumano, Mohamedamin Abdirisek Ibrahim preferiu estr4ngular e m4tar Saga Forsgren Elneborg, que nasceu na Suécia, a ter que apresentá-la à família.

Conforme relato do acusado, levar Saga diante da presença dos pais seria “uma vergonha”. O rapaz teria usado um fio de lâmpada para suf0car a vítima até a m0rte. O bebê do casal também faleceu.

O crime ocorreu no ano passado, mas Ibrahim foi acusado formalmente somente nesta semana. Em um relatório de mil páginas, ficou constatado que o rapaz planejou o ass4ssinato e usou o cabo de uma lâmpada para m4tar a namorada.

Ibrahim cresceu em uma família na qual acredita-se que “namorar uma mulher branca não é certo”. A gravidez de Saga o teria deixado ainda mais alarmado e “envergonhado”, e por isso ele teria pedido à jovem para ab0rtar a criança. Ela, no entanto, se recusou.

De acordo com a investigação, os familiares não influenciaram Ibrahim a ass4ssinar a namorada. Apesar de todas as provas, o rapaz alega ser inocente.

Related posts

Leave a Comment