Dinheiro esquecido’: prazo para saque termina sábado

A última rodada da primeira leva de consultas das quantias e agendamentos para resgate do “dinheiro esquecido” no Sistema Valores a Receber, do Banco Central, vai de encerrar no próximo sábado (26).

Criado para que as pessoas possam retirar montantes que haviam sido deixados para trás em contas bancárias, o SVR realiza a ponte para os saques de maneira escalonada, assim como o calendário do auxílio emergencial. Nesta semana, encerra-se o prazo para que pessoas nascidas e empresas criadas após 1983 tenham acesso.  
De acordo com o Banco Central, dois períodos são utilizados para resgates: das 4h às 14h e das 14h à 00h. Não é preciso memorizar data e hora do “saque”, é possível consultar tudo novamente. Você precisará voltar ao sistema do BC no período sinalizado. 

Caso a pessoa esqueça de realizar o acesso, uma repescagem, no sábado, 26, será disponibilizada, durante todo o dia, das 4h à 0h. Porém, se esquecer deste também, o saldo poderá ser solicitado por mais uma vez a partir da próxima segunda, 28. Se deixar de solicitar, não tem problema. O direito de resgatar a quantia será mantido e o valor será “guardado” até que você, enfim, decida por retirar.

O período de agendamento dos nascidos antes de 1983 aconteceu nas últimas semanas. 
Ainda de acordo com o Banco Central, quase 14 milhões de brasileiros com dinheiro ‘esquecido’ nos bancos têm no máximo R$ 1 a receber. Outros 8,7 milhões têm entre R$ 1,01 e R$ 10 (veja mais abaixo a tabela completa de valores). Ao todo, são estimados R$ 8 bilhões a serem devolvidos.

Destes, R$ 4 bilhões nesta primeira fase: R$ 3,28 bilhões a cerca de 27,3 milhões de pessoas físicas, e o restante a cerca de 2 milhões de pessoas jurídicas.
Quem não estiver apto agora poderá tentar novamente a partir de 2 de maio, quando uma nova fase será aberta na plataforma, incluindo mais “saldos esquecidos”. Considerando a segunda fase, em maio, o BC estima que R$ 8 bilhões serão liberados na economia. 

Banco Central alerta para golpes Alguns pontos importantes devem ser destacados. O primeiro deles é que, caso o dinheiro esteja parado, mas você demore para solicitar uma retirada, ele não vai deixar de ser seu. Quando você solicitar, será depositado. Enquanto isso não for feito, vai ficar parado por lá. 

O segundo é que você deve tomar cuidado para não cair em golpes. O Banco Central listou alguns itens para que as pessoas não acessem links maliciosos. O mais importante é: este é o único link do BC em que os valores são consultados e, posteriormente, solicitados para transferência.

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.