Irmão Alderi’ que estava no grupo que sofreu atentado não resistiu e faleceu

PORTO DO MANGUE  
Chegou a nossa redação a triste notícia de que o ‘irmão Alderi’ que sofreu atentado, juntamente com um grupo de oração durante vigília na madrugada da sexta-feira, 20, não resistiu aos graves ferimentos a bala, e foi a óbito na manhã de hoje (domingo).

Um grupo de cinco irmãos evangélicos foi atacado por elementos não identificados, quatro foram alvejados e ficaram feridos no chão indefesos.

Os elementos só cessaram fogo quando uma das vitimas gritou dizendo que eram ‘crentes evangélicos’.

De acordo com relatos de uma das vítimas (não vamos citar nomes), ‘foi aterrorizando, só ouvíamos o zunido nas balas passando por nós e não sabíamos o que fazer‘.

Segundo as informações o socorro só foi possível por que um dos integrantes do grupo não foi baleado e foi até a cidade pedir socorro.

Todas as vitimas foram encaminhadas para o Hospital Regional Tarcísio Maia em Mossoró. Entre as vitimas, Gabriel e Joênia,  já se encontram em suas residências, Alex permanece internado e Alderi, que veio a óbito.

Esse triste fato entra para a história da cidade, a comunidade evangélica e toda a população está atônita com o ocorrido.

Redação: OPortomanguense (com grifos nossos)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.