Mais de 900 corpos de civis foram descobertos nos arredores de Kiev, diz polícia local

Mais de 900 corpos de civis foram descobertos desde que o exército russo se retirou da área de Kiev, na Ucrânia, disse o chefe da polícia regional em uma entrevista nessa sexta-feira (15). Andrii Niebytov afirmou que os corpos foram examinados e transferidos para instituições médicas forenses para exames detalhados.

Niebytov também disse que os corpos de algumas pessoas na vila de Shevchenko foram identificados, acrescentando que “eram moradores comuns, infelizmente também torturados, e vemos que foram baleados”.

Niebytov disse que algumas das pessoas que foram baleadas tinham braçadeiras brancas para tentar se proteger das forças russas.

“Durante a ocupação de nossas cidades, os militares obrigaram os cidadãos a usarem braçadeiras brancas como se essa pessoa já tivesse sido revistada e, portanto, não fosse tratada com tanto cuidado. Portanto, para salvar suas vidas, nossos cidadãos usavam essas bandagens para se proteger de tiros”, disse.

CNN Brasil

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.