Não é piada: país planeja tributar bufas e arrotos de vacas e ovelhas

Parece piada, mas as “bufas” e os “arrotos” de animais de fazenda estão sendo tratados como problema grave pelo governo da Nova Zelândia. Tanot que o país está estudando tributar os gases emitidos por vacas e ovelhas em fazendas do país.

A notícia é da Revista Oeste e do blog de Ricardo Rosado. Segundo as autoridades, a medida tem caráter ambiental e tenta inibir o crescimento da emissão de gases de efeito estufa.

Caso a lei seja aprovada, a Nova Zelândia se tornaria o primeiro país do mundo a cobrar de produtores rurais por emissões de gás metano por animais.

O país, de população de 5 milhões de pessoas, conta atualmente com cerca de 10 milhões de bovinos e 26 milhões de ovelhas.

De acordo com estimativas de pesquisadores, metade das emissões de gases da Nova Zelândia vem do agronegócio, principalmente o metano.

“Não há dúvida de que precisamos reduzir a quantidade de metano que estamos colocando na atmosfera, e um sistema eficaz de precificação de emissões para a agricultura vai desempenhar um papel fundamental em como conseguiremos isso”, disse James Shaw, ministro de Mudanças Climáticas da Nova Zelândia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.