PRF recebe homenagem da Câmara Municipal de Natal/RN pelo combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes

 A Polícia Rodoviária Federal do Rio Grande do Norte foi homenageada, nesta quarta-feira (18/05), pela Câmara Municipal de Natal, em razão dos trabalhos realizados no combate a exploração sexual de crianças e adolescentes.

O Projeto Mapear é desenvolvido pela PRF, desde 2003, com a finalidade de levantar pontos vulneráveis à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (ESCA), nas rodovias federais do Brasil.

O Mapear utiliza inteligência policial aliada a sistemas de tecnologia para o cruzamento de dados sobre ESCA, em todo Brasil. A cada dois anos, as informações são consolidadas em uma cartilha, que é utilizada como ferramenta preventiva de orientação para enfrentamento qualificado e integrado entre órgãos, instituições e empresas privadas.

O levantamento considera as “características vulnerabilizadoras” e não somente pontos de efetiva exploração, posteriormente é realizada uma classificação do local e um direcionamento das ações de forma efetiva no enfrentamento aos crimes de exploração sexual de crianças e adolescentes. Com o mapeamento dos pontos vulneráveis, as ações da PRF são mais eficientes tanto no combate aos exploradores, quanto no resgate de crianças e adolescentes. 

A Operação ONEESCA/PARADOR 27 foi executada, no mês de maio deste ano, em todo o Brasil, de forma articulada e integrada com outras instituições, em especial Ministério Público do Trabalho, Polícias Militares e Conselhos Tutelares, utilizando como base os pontos mapeados ao longo das rodovias.

É importante que os responsáveis fiquem atentos a mudanças repentinas de humor nas crianças e adolescentes, aproximação ou rejeição excessiva a determinadas pessoas, ou ao acesso exagerado à internet, para evitar o aliciamento ou a exposição das crianças e adolescentes à pornografia.

Denúncias podem ser feitas, inclusive de forma anônima, por meio do Disque 100, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, e do número de emergência da PRF – 191.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.