O apresentador Carlos Roberto Massa, o Ratinho, está sendo processado por sugerir que a deputada federal Natália Bonavides, do PT-RN, fosse “eliminada” com o uso de uma “metralhadora”.

A declaração durante a transmissão do programa “Turma do Ratinho”, exibido na Massa FM, após um colaborador comentar um projeto da deputada cometendo erros de informação.

Na verdade, ela apresentou um PL que modifica os termos de declaração feita durante a cerimônia de casamento civil, assegurando tratamento igual para casais de todas as identidades sexuais. Em vez de “os declaro marido e mulher”, a declaração prevista na proposta é “de acordo com a vontade que acabam de declarar perante mim, eu, em nome da lei, declaro firmado o casamento”.

“Natália, você não tem o que fazer, não?”, reagiu Ratinho. “Você não tem o que fazer, minha filha? Vá lavar roupa a caixa do teu marido, a cueca dele, porque isso é uma imbecilidade querer mudar esse tipo de coisa. Tinha que eliminar esses loucos… não dá para pegar uma metralhadora, não?”, disse o apresentador.

Na versão exibida no YouTube, o ataque foi acompanhado pela divulgação da foto da petista. Nas suas redes sociais, Bonavides comentou a declaração de Ratinho e ganhou o apoio de parlamentares e de internautas.

Natália Bonavides disse que tomaria as providências judiciais cabíveis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui