Foto: Ueslei Marcelino/Reuters
O presidente Jair Bolsonaro teve boa aceitação da dieta líquida oferecida durante o dia, o que motivou a retirada da sonda nasogástrica, e não precisará passar por uma cirurgia pois a obstrução intestinal que o levou a ser internado se desfez, informaram os médicos nesta terça-feira (4).

Saiba mais: Bolsonaro tem sonda nasal retirada, mas segue sem previsão de alta, informa boletim médico

Confira a última nota divulgada:

“O Hospital Vila Nova Star informa que o senhor Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, evoluiu com boa aceitação da dieta líquida ofertada durante o dia, o que motivou a retirada da sonda nasogástrica. O trato digestivo do paciente mostra sinais de recuperação. No momento, não há previsão de alta”, disse o boletim divulgado no início da noite.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui