Mulher negra resgatada de trabalho análogo à escravidão comove ao expressar medo de pegar na mão de repórter branca; assista

Uma reportagem exibida nesta quarta-feira (27) no telejornal Bahia Meio Dia, na emissora afiliada da Rede Globo em Salvador, viralizou nas redes sociais. Em entrevista à repórter Adrian Oliveira, Madalena Silva, mulher negra resgatada de trabalho análogo à escravidão, chorou e admitiu que tinha medo de segurar a mão da jornalista por ela ser branca.

“Fico com receio de pegar na sua mão branca”, afirmou Madalena. A repórter questionou: “Mas por quê? Tem medo de quê?”. “Porque ver a sua mão branca… eu pego e boto a minha em cima da sua e acho feio isso”, respondeu a mulher, vítima da violência.

Adriana, então, disse: “Sua mão é linda, sua cor é linda. Olhe para mim, aqui não tem diferença. O tom é diferente, mas você é mulher, eu sou mulher. Os mesmos direitos e o mesmo respeito que todo mundo tem comigo, tem que ter com você”, ressaltou, abraçando Madalena em seguida.

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.