conecte-se conosco

famosos

Jovens mortos em BMW: saiba quem são e o que se sabe sobre o caso

Published

on

Foto: Reprodução

Os quatro jovens encontrados mortos em uma BMW em Balneário Camboriú, litoral de Santa Catarina, na manhã desta segunda-feira (01) podem ter morrido por intoxicação causada por monóxido de carbono. Essa é a principal linha de investigação da polícia catarinense para encontrar a causa da morte de Gustavo Pereira Elias, de 24 anos, Tiago de Lima Ribeiro, 21, Karla Aparecida dos Santos, 19, e do adolescente Nicolas Kovaleski, de 16 anos.

Segundo o delegado Bruno Effori, responsável pela investigação, uma perícia preliminar no veículo já identificou uma perfuração no cano de escape, entre o motor e o painel. “Isso estaria jogando monóxido de carbono para dentro do carro, que permaneceu ligado por horas, com os jovens dentro, enquanto aguardavam a passageira. Câmeras de segurança devem confirmar, mas estimamos em cerca de 3 horas”.

Os jovens passaram a virada do ano em Balneário Camboriú com familiares que seguiram em um segundo veículo para casa, em São José, na região da Grande Florianópolis.

O delegado deve ouvir todas as testemunhas nas próximas horas e ressalta que as investigações ainda não são conclusivas. “Além dos laudos periciais e resultados dos exames, faremos a oitiva de todos que estiveram com os jovens, para confirmar a causa das mortes e a eventual participação de terceiros, provavelmente na intoxicação, já que não havia sinais de violência.”

Monóxido de Carbono
O professor livre docente da faculdade de medicina da USP e coordenador do programa de residência em cardiologia do hospital Sírio Libanês, Augusto Scalabrini Neto, explica que o monóxido de carbono se liga na hemoglobina e impede que ela seja oxigenada.

“É como se você estivesse em um ambiente sem oxigênio. O coração para, você morre asfixiado. É a mesma situação de casos de pessoas que morrem com a lareira ligada, o mecanismo é o mesmo”, afirma.

Ele destaca que a exposição ao gás é grave e tem alto índice de mortalidade. No entanto, em alguns casos, a intoxicação pode ser tratada por meio de ventilação efetiva e de alguns antídotos.

Em relação à morte dos jovens em Santa Catarina, o médico avalia que é possível ter ocorrido um vazamento da combustão para dentro do veículo.

“É um gás quase sem cheiro […] Começa com náusea, vômito, tontura, ficam sem consciência e morrem”, conclui.

Entenda o caso
Quatro pessoas morreram em um carro importando na manhã desta segunda-feira em Balneário Camboriú, litoral de Santa Catarina.

O SAMU e o Corpo de Bombeiros chegaram a prestar atendimento, mas as vítimas, três homens e uma mulher, não resistiram. Segundo os Bombeiros, as vítimas estavam em parada cardiorrespiratória.

Uma mulher, que também estava no carro, sobreviveu. As vítimas estavam em uma BMW com placa de Belo Horizonte, capital de Minas Gerais.

Segundo o Corpo de Bombeiros de Santa Catarina, o chamado aconteceu por volta de 07h30 da manhã. As pessoas que estavam no carro foram atendidas por equipes do Samu e do Corpo de Bombeiros durante 40 minutos, quando a equipe médica do SAMU declarou óbito das vítimas.

O Corpo de Bombeiros diz, ainda, que todas as equipes de socorro de Balneário Camboriú foram utilizadas no atendimento dos jovens. Após finalizar os procedimentos, os Bombeiros acionaram a PM, a Polícia Civil e a Polícia Científica.

CNN

Confira as últimas notícias e atualizações do Rio Grande do Norte no Blog Alex de Olho nas Notícias. Com sede em Carnaubais, Alex traz para você o melhor das notícias locais desde 2018. Nosso compromisso é com o jornalismo verdadeiro, ético e responsável. Além disso, nosso portal é interativo, dando voz aos leitores.”

Continue lendo
Anúncio
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

famosos

Jacqueline Laurence, Ícone Da Televisão E Do Teatro, Morre Aos 91 Anos

Published

on

A atriz Jacqueline Laurence faleceu então na madrugada desta segunda-feira, 17 de junho, no Rio de Janeiro. Jacqueline, de 91 anos, estava internada no Hospital Municipal Miguel Couto, no Leblon, onde sofreu uma parada cardíaca por volta das 2h20, conforme informou a unidade de saúde. Sua morte marca o fim de uma era para o teatro bem como para a televisão brasileira, setores nos quais ela deixou um legado inestimável.

Vida e Carreira
Jacqueline Juliette Laurence nasceu em Marselha, na França, em 1932. Ela veio então para o Brasil ainda adolescente, acompanhada pelo pai, que era jornalista. Seu irmão mais novo, Michel, seguiu a mesma profissão e faleceu em 2014, e seu sobrinho, Bruno, também é jornalista.

Mesmo vivendo no Brasil por muitos anos, Jacqueline nunca se naturalizou brasileira. Em uma entrevista ao site de Heloisa Tolipan em janeiro, ela explicou: “Aconteceu muita coisa durante a ditadura, e coisas difíceis. Nunca me naturalizei, e quando me naturalizaria, eventualidades sucederam. Depois, envelheci e não seria agora que me naturalizaria. Não tenho essa coisa de dizer que sou francesa. Ao contrário, sou brasileira. Podem dizer que acham o contrário, o que é natural, mas pouco me importa”.

Jacqueline jamais se casou e não teve filhos. Sobre seus relacionamentos, comentou: “Os namorados que tive acabaram por ser, circunstancialmente, namorados”.

Trajetória na Televisão
Jacqueline Laurence ficou conhecida por interpretar personagens sofisticadas e requintadas. Ela destacou a dificuldade inicial em perder seu sotaque, que se tornou uma marca de suas performances. Na TV Globo, ela participou de várias novelas de sucesso, incluindo “Dancin’ Days”, “Guerra dos Sexos”, “Cambalacho”, “Top Model”, “O Dono do Mundo”, “Salsa e Merengue”, “Senhora do Destino” e “Babilônia”. Sua última participação na televisão foi em “Salve-se Quem Puder”.

Contribuições ao Teatro
Além de sua carreira na televisão, Jacqueline teve uma contribuição significativa para o teatro brasileiro. Ela dirigiu um dos movimentos teatrais mais emblemáticos do Rio de Janeiro dos anos 1980, o Besteirol. Esse movimento projetou nomes como Miguel Falabella, Guilherme Karam e Mauro Rasi, sendo um marco na história do teatro carioca.

Legado Duradouro
A morte de Jacqueline Laurence é uma grande perda para a cultura brasileira. Sua trajetória artística, marcada por papéis memoráveis e contribuições significativas ao teatro, deixa um legado que continuará a inspirar gerações de artistas. Jacqueline será lembrada não apenas por seu talento e elegância nas telas e palcos, mas também por sua paixão pelo Brasil, país que ela adotou como lar e onde deixou uma marca indelével na arte e na cultura.

Blog do Halder

Continue lendo

famosos

Rita Cadillac volta ao p0rnô aos 70 anos.

Published

on

Rita Cadillac é uma das famosas que faz sucesso em plataformas de conteúdo adulto. A musa, que completou 70 anos na última quinta-feira (13), falou mais sobre o trabalho nestas ferramentas em entrevista ao jornal Extra e disse que tem uma gama bastante variada de assinantes.

“Tenho assinantes diversificados, desde a garotada de 18 anos, passando pela meia-idade, e também mulheres. Recebo muitas mensagens delas também. Tem pessoas que mandam pedidos, que conversam, que falam que acha legal eu estar fazendo aquilo. Tem pessoas que são apaixonadas, tem pessoas que são taradas… Tem de tudo um pouco!”, conta Rita.

A estrela, que, recentemente, lançou um filme pornô com o ator Jefão, ainda entregou um pedido inusitado que recebeu de um assinante. “Tem um cara que até hoje me pede para fazer um ensaio sensual em um cemitério. Isso é coisa de doido (risos). Mas eu tento realizar alguns desejos quando posso”, relata.

Nossa.

Continue lendo

famosos

Jovem descobre que noiva com quem se casou era homem.

Published

on

Um indonésio de 26 anos descobriu que a noiva com quem se casou era, na verdade, um homem. O noivo, identificado como AK, suspeitou da parceira porque ela evitava intimidade.

AK se casou com Adinda Kanza e acreditava que ela era uma mulher, no entanto, se tratava de um homem que gostava de crossdressing, que a prática de se vestir com roupas do gênero oposto. As informações são do Extra.

Os dois se conheceram por meio do Instagram. Após o relacionamento evoluir afetivamente, decidiram se casar. A cerimônia foi em 12 de abril. O farsante, após a revelação, contou que se casou para roubar os bens da família.

A então esposa evitava intimidade e dizia estar menstruada e que não se sentia bem. Ela ainda usava um niqab muçulmano, um peça que cobre parte do rosto, relacionado à fé islâmica.

AK descobriu a farsa ao se encontrar com os pais da noiva. Ele descobriu o endereço de ambos e os procurou. O casal contou que a noiva fazia crossdressing desde 2020.

ESH, que se passou por noiva, foi presa na Indonésia com a descoberta da mentira. O casamento foi anulado. Metrópoles

Nossa.

Continue lendo

home