Saúde: 7 cidades aliadas de Lula levam 1/4 da verba extra de R$ 1,3 bi

Foto: Hugo Barreto/Metrópoles

Prefeituras ligadas ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e à ministra da Saúde, Nísia Trindade, são as que mais receberam recursos excepcionais da Saúde no ano passado. Os sete municípios mais contemplados por essa verba extra, fora as capitais, são administrados por prefeitos filiados ao PT ou aliados de Lula e Nísia.

Essa verba é formada por recurso excedente que deve ser distribuído de forma estratégica para necessidades não previstas ou situações emergenciais nas áreas de média e alta complexidade. O pagamento é feito em parcela única.

Para se ter uma noção, do R$ 1,3 bilhão repassado de verba extra da Saúde em 2023 para municípios, fora as capitais, R$ 346,8 milhões foram apenas para essas sete cidades. Isso significa que um quarto do recurso seguiu para prefeituras geridas por aliados de Lula.

Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *