Carlinhos Maia sobre enchentes no RS:

‘Vou parar pra ficar sofrendo?’
O influenciador Carlinhos Maia está sendo criticado após dizer que não vai parar de produzir seu conteúdo em solidariedade às vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul.

Desde o dia 27 de abril, famosos e anônimos têm se mobilizado para encontrar desaparecidos e doar donativos para os sobreviventes. Maia realiza seu reality show “Rancho Maia”, em que figuras da internet ficam confinadas em uma fazenda, com transmissão ao vivo durante todo o dia.

O reality estreou na última sexta-feira (3/5), quando os gaúchos já sofriam com as enchentes. Além disso, Carlinhos não fez nenhum post em que pedia aos seus fãs para doarem para as vítimas. Ele também não anunciou nenhum tipo de ajuda. Em seus stories, o influenciador se mostrou impaciente com as cobranças, dizendo que cabe ao governo ajudar a população atingida e que, por isso, as autoridades é que deveriam estar sendo cobradas.

Carlinhos Maia ainda apontou que vai usar sua fama para arrecadar doações para os gaúchos, mas que não vai parar de trabalhar por conta das inundações. “Para mim e para as 500 famílias diretas que estão trabalhando em tudo isso aqui [o reality show] é trabalho. Então, entendam de uma vez por todas que vocês devem cobrar ao governo! A gente faz o que a gente quer fazer, porque a gente tem humanidade”, afirmou.

“Para você querer que a gente faça algo, não tem que destruir o que a gente faz não, o nosso ganha pão. Imagine se toda coisa ruim que acontecesse em uma parte do Brasil a gente parasse nosso trabalho, parasse o que dá dinheiro para as pessoas. Sabe quantos funcionários eu tenho? Muitos! Ai eu vou parar para ficar sofrendo por algo? Eu prefiro estar fazendo meu trabalho e poder ter dinheiro para ajudar”, declarou.

Jornal Estado de Minas

Related posts

Leave a Comment