Homem é preso suspeito de estuprar enteada de 12 anos e agredir esposa que defendeu a filha.

Um homem de 38 anos foi preso nesta segunda-feira (21), em Natal, suspeito de estuprar a enteada de 12 anos e agredir a esposa ao ser confrontado por ela.

De acordo com a Polícia Civil, o homem teria estuprado a enteada em junho de 2023, enquanto a mãe dela estava no trabalho. No mesmo dia, a vítima contou o ocorrido à mãe, que confrontou o marido. Ainda segundo a Polícia Civil, os dois discutiram e entraram em luta corporal.

Mãe e filha conseguiram fugir do local e os exames periciais realizados confirmaram as agressões e a prática do estupro de vulnerável.

O mandado de prisão preventiva contra o suspeito foi expedido pela 15ª Vara Criminal da Comarca de Natal, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN). O homem foi encaminhado ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Operação Shamar

A prisão do investigado foi a primeira realizada durante a Operação “Shamar”, deflagrada em âmbito nacional pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP). “Shamar” é uma palavra do hebraico que remete a cuidar, guardar, proteger, vigiar e zelar e foi escolhida para nomear a operação em referência ao Agosto Lilás, mês dedicado à conscientização pela defesa da mulher.

No Rio Grande do Norte (RN), as ações são supervisionadas pela Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social do Rio Grande do Norte (SESED) e pela Secretaria de Estado das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos (SEMJIDH). Especificamente, a Polícia Civil tem realizado tanto ações ostensivas como preventivas, como o cumprimento de mandados de prisão e a realização de ciclos de palestras.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181. g1

Prisão…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *