Homem que teve pênis cortado diz que perdoa ataque da esposa e considera prótese: “ela está pagando por isso”

O homem que teve o pênis cortado com uma navalha pela esposa em São Paulo disse, nesta última terça-feira (26), que a perdoa pelo ataque e considera adquirir uma prótese. A mutilação aconteceu na semana passada, após uma suposta traição do homem com a sobrinha de 15 anos da mulher. Após o incidente, a agressora se entregou espontaneamente à Polícia Civil e está sob prisão preventiva.

Em entrevista à TV Thathi de Campinas, o homem quebrou o silêncio sobre o caso e afirma que a esposa tem ciúmes doentio. Ele disse que foi atraído para casa na madrugada da última sexta-feira com promessas de uma noite romântica. Quando chegou, as luzes do quarto estavam apagadas e a mulher começou a acariciar seu pênis. Subitamente, ela cortou o membro com uma navalha e a vítima sentiu sangue escorrer pela virilha. O homem conseguiu afastar a agressora, que acendeu a luz, revelando a gravidade da situação.

“Tinha muito sangue e eu perguntava: ‘Por que você fez isso?’”, disse a vítima à TV paulista.

O primeiro instinto do homem foi entrar no carro para buscar assistência médica, mas a esposa havia escondido a chave. Sem opção, ele se enrolou em um cobertor e andou até um pronto-socorro. À polícia, a mulher narrou que jogou o pênis na privada e deu descarga para que seu marido não o reimplantasse.

O homem está se recuperando em casa e diz que sonha em voltar a trabalhar. Ele também quer encontrar uma prótese para compensar a falta do membro perdido.

Sobre a agressão, ele declarou que marcou sua vida negativamente para sempre, mas que, da parte dele, “ela está perdoada”.

O Globo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *