Polícia Civil prende corretora de empréstimos suspeita de aplicar golpes da “falsa portabilidade” contra idosos na Grande Natal

Policiais civis da Delegacia Especializada em Falsificações e Defraudações de Natal (DEFD/Natal) deram cumprimento, na manhã desta terça-feira (06), a um mandado de prisão preventiva em desfavor de uma mulher, de 40 anos, suspeita por diversos estelionatos. A suspeita, uma corretora de empréstimos, foi presa no bairro Nova Parnamirim, no município de Parnamirim, na Grande Natal. Os prejuízos apurados ultrapassam R$150 mil.
De acordo com informações levantadas pela Polícia Civil, a corretora trabalhava com empréstimos consignados para servidores e aposentados e é suspeita por aplicar o golpe da “falsa portabilidade de empréstimos”, pelo qual convencia seus clientes a contrair novos créditos para quitar as dívidas anteriores, oportunidade em que a investigada acabava por se apropriar desses valores, em prejuízo das vítimas, majoritariamente idosas.

Em um dos casos, a suspeita chegou a abrir uma conta, com dados de um dos seus clientes, um homem aposentado, em um banco digital, a qual utilizou para contratar vários empréstimos. Na oportunidade, ela subtraiu todos os valores.

Além da prisão, foi decretado o bloqueio judicial das contas da investigada, no montante do produto dos crimes.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil do Rio Grande do Norte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chatOlá muito o
Olá muito obrigado estamos online Fale C
Jornalismo comprometido com a verdade, de forma ética e responsável. Um portal interativo, onde o leitor também tem vez e voz.