Connect with us

Policial

RN registra queda na frequência escolar na educação básica

Foto: José Aldenir/Agora RN.

O cenário da educação básica no Rio Grande do Norte enfrenta um desafio significativo, conforme revelado pelos dados mais recentes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A frequência escolar nos anos iniciais desta etapa de ensino registrou queda de 7% entre 2019 e 2022.

Durante o período analisado, a faixa etária de 4 a 5 anos, que marca o início da obrigatoriedade do ensino na educação básica, foi a mais impactada, registrando uma redução de 6,9 pontos percentuais na frequência escolar. Em 2019, 97,7% das crianças nessa faixa etária estavam matriculadas, enquanto em 2022 esse número caiu para 90,8%.

A queda contrasta com o histórico positivo observado nos anos anteriores, onde o Rio Grande do Norte expandiu a participação de diversas faixas etárias na educação, mantendo a estabilidade na frequência escolar dos grupos de crianças de 6 a 14 anos, próximo da universalização.

Adequação Idade-Etapa e Redes de Ensino

Apesar da queda nos anos iniciais, a análise da adequação idade-etapa revela avanços em outros níveis. Nos anos finais do ensino fundamental, a taxa ajustada de frequência escolar líquida evoluiu de 82,8% para 88,2%, enquanto no ensino médio passou de 62,4% para 66,6%.

A predominância da rede pública em todos os níveis da educação básica, com percentuais de 75,8%, 79,1% e 86,4% na educação infantil, ensino fundamental e médio, respectivamente, destaca a importância das políticas públicas na formação educacional.

Avanços no Ensino Superior

Apesar dos desafios nos anos iniciais, a proporção de jovens de 18 a 29 anos que concluíram, no mínimo, 12 anos de estudo aumentou para 62,6% em 2022, representando um incremento de 4,2 pontos percentuais desde 2019.

Essa análise da realidade educacional potiguar oferece insights fundamentais para direcionar esforços e investimentos, visando superar os desafios e fortalecer o compromisso com uma educação de qualidade para todos.

Novo Notícias

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *