conecte-se conosco

Mossoro

SUSPEITO DE ASSALTO EM ASSÚ, CASAL É PRESO PELA PM APÓS ROUBO EM MOSSORÓ

Published

on

Por volta das 05h30min da manhã de sábado, 15 de junho de 2024, uma mulher vítima de um roubo praticado por um casal compareceu à delegacia de plantão para registrar um boletim de ocorrência. Ela relatou que foi abordada no Bairro Alto do Sumaré por um casal armado, que subtraiu sua motocicleta Honda/Biz vermelha, seu celular e sua bolsa contendo documentos e outros pertences de valor.

A Polícia Militar, ciente do roubo, repassou as informações via COPOM para todas as equipes das guarnições policiais em serviço na cidade de Mossoró, no Oeste Potiguar.

A vítima, rastreando seu celular, forneceu as informações ao COPOM. A equipe da VTR/Força Tática do 2º Batalhão de Polícia Militar, que realizava patrulhamento ostensivo e preventivo na área, recebeu as coordenadas via rádio. Os militares chegaram até o casal acusado do roubo e recuperaram os objetos subtraídos. Informados pelo casal sobre a localização da motocicleta, os militares também recuperaram o veículo, que estava escondido em uma área de mata.

O casal, identificado como Madson Bruno Tavares da Silva, 19 anos, natural de Assú/RN, e Francilene Fernandes de Souza, 28 anos, natural de Mossoró/RN, recebeu voz de prisão dos militares da Força Tática. Eles foram apresentados à 3ª equipe da Delegacia de Polícia Civil de Plantão de Mossoró, sob o comando do delegado Renato Oliveira. Durante a oitiva, o casal confessou mais um roubo em Mossoró e três em Assú. Diante da situação, a autoridade policial autuou Madson e Francilene por infração ao artigo 157, § 2º, inciso II, do Código Penal Brasileiro, por roubo com aumento de pena em concurso de duas ou mais pessoas. 

Um dos assaltos em que o casal é apontado como suspeito, foi contra uma mulher na rua Monsenhor Júlio, no dia 28 de Abril de 2024, onde a mulher conduzia a moto e o suspeito estava na garupa, armado com uma faca, abordando à vítima, que entregou na época o celular, uma bolsa contendo dinheiro e outros pertences. Além desse assalto, o casal é suspeito de outros delitos na cidade de Assú.

Após os procedimentos, os acusados foram encaminhados ao sistema prisional, Madson para a Cadeia Pública Juiz Manoel Onofre de Sousa e Francilene para a ala feminina da Penitenciária Estadual Agrícola Dr. Mário Negócio, onde ficarão à disposição da justiça. A moto, 02 celulares, 01 anel de ouro, 01 anel de formatura também de ouro, 01 relógio, 01 bolsa recuperada pelos policiais, foram entregues a sua proprietária. Já os procedimentos serão repassados para a equipe da DPROV/Mossoró para os procedimentos futuros. 4DZ Patrulha

Confira as últimas notícias e atualizações do Rio Grande do Norte no Blog Alex de Olho nas Notícias. Com sede em Carnaubais, Alex traz para você o melhor das notícias locais desde 2018. Nosso compromisso é com o jornalismo verdadeiro, ético e responsável. Além disso, nosso portal é interativo, dando voz aos leitores.”

Continue lendo
Anúncio
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mossoro

Corpo de homem é encontrado boiando no Rio Mossoró, na Ilha de Santa Luzia

Published

on

No início da tarde desta segunda-feira (22) populares avistaram o corpo de um homem boiando no Rio Mossoró, próximo ao antigo Cici Lanches, na Ilha de Santa Luzia.

O homem estava preso à vegetação, às margens do rio e precisou ser retirado por uma equipe do Corpo de Bombeiros.

De acordo com o perito Paulo Vitor, do Instituto Técnico-Científico de Perícia, pelo estado do corpo, ele estava há, pelo menos, um dia no local. No entanto, ele afirmou que não foi possível identificar se havia marcas de violência.

Segundo ele, apenas o exame necroscópico poderá determinar o que teria provocado o óbito. A cabeça do homem estava bastante machucada, mas o perito afirmou que os ferimentos no local, assim como em outras partes do corpo, podem ter sido provocados pela ação dos próprios animais e da decomposição natural devido ao tempo na água.

Ainda segundo Paulo Vitor, o corpo também passará por um equipamento de body scan, para verificar se há projéteis.

O delegado Dênis Carvalho, da 38ª Delegacia de Polícia Civil, afirmou que não há registro de desaparecidos na cidade e que também não apareceu ninguém no local onde o corpo foi encontrado para reconhecê-lo.

Ele afirmou que aguardará a perícia do Itep com o laudo oficial da morte, para dar andamento nas investigações, caso tenha sido morte por afogamento, ou para encaminhar o inquérito para o Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), em caso de óbito por violência.

Continue lendo

Mossoro

Denúncias ‘pipocam’ sobre a gestão de Allyson Bezerra em Mossoró.

Published

on

A administração municipal de Mossoró tem enfrentado uma série de denúncias de corrupção, nepotismo e malversação de dinheiro público.

As denúncias vão desde a manutenção por mais de ano de um secretario condenado por falsificar assinatura num documento da justiça, desvio de dinheiro na secretaria de cultura com vazamento de áudio do responsável pela contratação de artistas´, contratação de parentes com sobreposição de salários, perseguição a servidores que não rezam na cartilha do prefeito, contratação de milícia privada, até superfaturamento e enriquecimento repentino.

Vereadores da oposição já protocolaram várias denúncias e reclamam que até aqui, o Ministério público não tem dado a devida atenção a esses casos.

Alguns questionam o porquê da seletividade. Outros dizem que um dos promotores de Mossoró está sempre em viagem de férias em périplos pelo mundo. Xerife

Nossa.

Continue lendo

Mossoro

Xibiu” acusado de matar escrivão da PC é executado a tiros em Mossoró, RN.

Published

on

Na madrugada desta quarta-feira (10), um jovem identificado como Valdinei Araújo Cunha conhecido como “Xibiu” foi brutalmente assassinado na Rua Dix-Sept Rosado, em frente à Loja Maçônica 24 de Junho, no Centro de Mossoró.
O crime, que ocorreu por volta da meia-noite, a vítima recebeu diversos disparos de arma de fogo.

Populares informaram a policia militar que foram ouvidos cerca de oito disparos. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada, mas ao chegar ao local, apenas pôde confirmar o óbito do jovem.

Segundo o delegado de plantão Caetano Balmamn, que acompanhou o trabalho da perícia, a vítima era um dos suspeitos de envolvimento no assassinato do escrivão da Polícia Civil, Antônio Ferreira da Silva Júnior, crime ocorrido no dia 20 de dezembro de 2019, durante um assalto no Bairro Santo Antônio em Mossoró.

A Polícia Militar isolou a área para a realização dos procedimentos periciais. O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios de Mossoró, que busca esclarecer a motivação e autoria do crime.

Escrivão morto à época.

Continue lendo

home