Ex-apresentador do SBT é preso por tráfico; defesa cita consumo próprio

Marcelo Carrião, ex-jornalista do SBT, foi preso ontem na Baixada Santista numa operação contra o tráfico de drogas.

A Polícia Civil prendeu oito envolvidos no tráfico “disk droga”. Foram cumpridos nove mandados de busca e apreensão em Santos e São Vicente. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, foram apreendidas mais de 4 mil porções de drogas, uma pistola 9mm e diversos celulares.

Os alvos da operação foram identificados após duas mulheres serem presas em flagrante por tráfico. Nos documentos da polícia, Carrião é identificado como “Vozinho”. O caso foi registrado como tráfico de drogas, associação criminosa e porte ilegal de arma de fogo.

Procurado por Splash, o advogado de Carrião afirma que a droga encontrada com ele era para consumo próprio. “A defesa irá impetrar um Habeas Corpus para o jornalista, para que responda em liberdade. Marcelo além de primário, de bons antecedentes, reside mais de 15 anos no mesmo endereço, não tem relação com nenhum dos demais indiciados e, a droga apreendida destinar-se-ia ao seu próprio consumo. À luz da Constituição Federal da República, a prisão preventiva deve ser adotada em casos excepcionais, medida de última ratio, acrescento”, diz Marcelo Cruz.

Quem é Marcelo?

Marcelo Carrião trabalhava na TV desde 1993. Ele começou a carreira na TV Mar, afiliada da TV Manchete na Baixada Santista. Em 2005, foi contratado pela Record, onde trabalhou até 2011. Carrião começou a trabalhar no SBT em 2012 — lá, fazia entradas ao vivo e reportagens nas editorias cotidiano, esporte, polícia e comportamento. Marcelo também foi apresentador do SBT Notícias. O último registro do jornalista no YouTube da emissora é de 2018.

Com informações do UOL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *