conecte-se conosco

Sem categoria

Mulher é presa suspeita de fazer falsa denúncia contra ex, roubar dinheiro e se passar por “irmã gêmea” para escapar de crimes em Natal

Published

on

Policiais civis da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) da Zona Norte de Natal prenderam em flagrante delito, na última terça-feira (31), uma mulher de 35 anos. Ela estava sendo investigada pela suspeita da prática dos crimes de denunciação caluniosa, falsidade ideológica, falsificação de documentos públicos, apropriação indébita e dano, praticados em desfavor do seu ecompanheiro.

A prisão da suspeita ocorreu após ela procurar a DEAM Zona Norte para “retirar a queixa”, antes registrada em desfavor do seu ex-companheiro, ocasião em que o acusou de descumprir as Medidas Protetivas de Urgência, decretadas pela Justiça. Em razão da falsa acusação, foi decretada a prisão contra seu ex-companheiro. Um Inquérito Policial (I.P.) contra a mulher foi instaurado logo após seu ex-companheiro informar à Polícia Civil que a autora da denúncia teria se apropriado do aparelho celular e outros pertences, além de ter quebrado móveis em sua residência, causando-lhe danos.

Posteriormente, o ex-companheiro da suspeita percebeu que ela, de posse do celular dele, tinha desviado seu salário, por meio do aplicativo do banco. Sendo assim, ele se deslocou novamente até a delegacia para registrar um novo Boletim de Ocorrência (B.O.) acerca do novo crime, ocasião em que foi cumprido em seu desfavor o mandado de prisão em aberto, referente à falsa acusação de descumprimento das Medidas Protetivas de Urgência.

Ainda no decorrer das investigações, a suspeita fingiu ser uma irmã gêmea, e passou a entrar em contato com a irmã do ex-companheiro, dizendo ser a irmã gêmea da autora dos crimes e que ela havia morrido. Dessa forma, a mulher forjou uma mudança visual, editando foto com alteração da cor do cabelo, colocando óculos e lentes de contato, falsificou certidão de nascimento de gêmeas e sua própria certidão de óbito. Além disso, se deslocou até a delegacia para “retirar a queixa” do descumprimento de Medidas Protetivas de Urgência (MPUs) e, assim, ajudar o ex-companheiro.

Após lhe ser dada voz de prisão, foi interrogada e confessou toda a história criada para prejudicar seu ex-companheiro, exceto a apropriação do aparelho celular, sendo encaminhada à audiência de custódia. Na audiência de custódia, o juiz deferiu a representação elaborada pela autoridade policial pela conversão da prisão em flagrante em prisão preventiva, sendo a mulher encaminhada ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181 e WhatsApp da DEAM ZN: (84) 98135-6792.

Confira as últimas notícias e atualizações do Rio Grande do Norte no Blog Alex de Olho nas Notícias. Com sede em Carnaubais, Alex traz para você o melhor das notícias locais desde 2018. Nosso compromisso é com o jornalismo verdadeiro, ético e responsável. Além disso, nosso portal é interativo, dando voz aos leitores.”

Continue lendo
Anúncio
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem categoria

Herdeira do Novo Cangaço: viúva de líder do PCC assume posto do marido.

Published

on

São Paulo — A viúva de Ronildo Alves dos Santos, o Magrelo, apontado pela Polícia Federal (PF) como um líder do Primeiro Comando da Capital (PCC), assumiu os negócios do companheiro depois que ele foi morto em uma suposta troca de tiros com a Polícia Militar, em maio do ano passado, no Tocantins.

A informação consta em uma investigação da PF sobre o planejamento de um mega assalto frustrado que teve como alvo cerca e R$ 30 milhões guardados em um cofre da empresa de transporte de valores Brinks, em abril do ano passado, na cidade de Confresa, no Mato Grosso.

A ação criminosa seria feita por meio da prática conhecida como Novo Cangaço, quando uma quadrilha toma o controle de uma pequena cidade para praticar um grande assalto. Magrelo e mais 17 suspeitos morreram em supostas trocas de tiro, com a polícia, nas semanas posteriores à empreitada criminosa mal sucedida.

“Viúva e comparsa”

A investigação da PF afirma que Karen Abreu dos Santos (foto em destaque) “não é só viúva” de Magrelo, mas também sua “comparsa e integrante do PCC”. Desde 2018, ela posta fotos nas redes sociais, ao lado do chefão do crime, com quem teve um filho.

Investigadores checaram, com testemunhas, que Karen herdou o “patrimônio ilícito” de Magrelo e assumiu um posto de liderança na organização criminosa.

Continue lendo

Sem categoria

Menina de 10 anos denuncia abuso sexual; suspeito deu R$ 5 para comprar silêncio da vítima.

Published

on

Com um bilhete pedindo ajuda para mãe, uma criança de 10 anos denunciou um abuso sexual sofrido por ela. De acordo com a genitora da vítima, em entrevista exclusiva à TV Tropical, o suspeito tem 75 anos, que trabalha como taxista.

Em outro bilhete, a vítima detalhou que foi forçada a tirar a roupa pelo abusador. O idoso também utilizou bilhetes. Em uma das mensagens, de forma asquerosa, ele afirmou que gostaria de ter relações sexuais com a criança. Ele ainda deixou uma nota de R$ 5 como forma de comprar o silêncio dela.

Na tentativa de fazer com que a denúncia fosse validada, a vítima juntou a prova e deixou guardada em um canto para que a mãe pudesse ver. A mãe da criança contou os detalhes de como descobriu as mensagens deixadas pela filha.

“Do dia 4 para o dia 5, eu encontrei a cartinha no banheiro. Quando eu liguei a luz, a cartinha caiu e eu fui ler. Estavam lá as mensagens. Ele chamando ela para fazer coisas feias. Eu fiquei sem saber o que fazer. Esperei amanhecer o dia. Chamei a mulher que cuidava delas. Ela falou que o esposo dela que tinha tentado abusado delas. Contei para ela, mostrei a cartinha, pedi para ela reconhecer as letras. Ela reconheceu. Eu fui, no dia seguinte, na delegacia, porque no dia que eu descobri eu tinha que trabalhar”, contou.

O caso relatado pela menina aconteceu em um sítio. O acusado é marido da ex-babá da criança, que mora na mesma vila de casas e tinha a confiança da família. No bilhete escrito pela criança, ela diz que uma pessoa já tinha avisado a mãe que o homem era perigoso.

A Polícia Civil se limitou a informar que o inquérito foi instaurado e que a investigação do caso está em andamento.

Crime bárbaro.

Continue lendo

Sem categoria

mostra motociclista que por pouco não colidiu de frente com caminhão

Published

on

Nesta quarta-feira, 16 de junho de 2024, um motociclista trafegava por uma estrada de terra no Sítio Volta, na saída para Caicó, no município de Jardim do Seridó, no Rio Grande do Norte, quando se deparou com um caminhão em sentido contrário.
Em uma manobra rápida, o motorista do caminhão conseguiu evitar a colisão frontal com a moto, mas acabou batendo com a roda traseira do caminhão.

Ainda não há informações sobre o estado de saúde do motociclista.

Continue lendo

home