Operação aumenta cerco na busca por fugitivos de Mossoró

Já são 11 dias de buscas pelos dois fugitivos da penitenciária de segurança máxima de Mossoró, no Oeste potiguar. Com isso, a força-tarefa que atua para encontrar Deibson Nascimento e Rogério Mendonça aumentou o cerco da divisa entre o Rio Grande do Norte e o Ceará.

Na noite de sexta-feira (23), os agentes de segurança realizaram uma operação na região para tentar recapturar os dois criminosos que fugiram do presídio no dia 14 de fevereiro.

Pelo menos dez viaturas da força-tarefa participaram da operação. Um helicóptero também sobrevoou a área na tentativa de encontrar os fugitivos.

De acordo com o jornalista César Tralli, da TV Globo, durante uma barreira policial, um homem informou que estava entregando alimentos a dois homens em um sítio na região. Segundo o depoimento do homem, ele estaria há três dias sendo obrigado a deixar comida no local, próximo de Baraúna.

O homem afirmou ainda que ele e a família estavam sendo ameaçados pelos fugitivos, que estavam escondidos nas proximidades desse sítio. Isso teria motivado o reforço das buscas no trecho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *