Pastora morre após ser baleada em tiroteio entre criminosos.

Uma pastora evangélica identificada apenas como Marta morreu após ter sido baleada durante um confronto entre criminosos de facções rivais na Gardênia Azul, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, na noite desta quinta-feira (22).

Segundo moradores, a mulher voltava do mercado com a filha por volta das 21h e estava na porta de casa, na Rua Soraya, quando aconteceu uma invasão de homens armados. Houve intenso tiroteio.

A TV Globo apurou que o confronto envolveu traficantes e milicianos. G1

Vítima.
Registe-se aqui com seu e-mail

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *