Sem oposição: Em meio à tensão, termina hoje as eleições para o quinto mandato de Putin, na Rússia: Vídeo

Em meio ao rescaldo dos ataques da Ucrânia à região fronteiriça de Belgorod, a Rússia segue com as urnas abertas para as eleições que deverão confirmar a reeleição do atual presidente, Vladimir Putin, neste domingo, 17.

Kiev lançou fortes ataques contra a região no último dia, deixando dois mortos, um homem e uma mulher, segundo o governo local.

As autoridades decidiram fechar os centros comerciais no fim de semana e as escolas até a próxima terça-feira (19).

O Ministério da Defesa russo disse que as forças repeliram novas tentativas de “infiltração de grupos de sabotagem ucranianos” na região.

Ainda de acordo com o governo, os dados oficiais das eleições presidenciais relatam percentagens muito altas de votantes nas partes das quatro regiões ucranianas ocupadas pelos russos ao final do primeiro dos três dias de votação.

Segundo a agência Ria Novosti, na região de Donetsk, mais de 69% dos eleitores votaram, na de Lugansk, 36%, na de Zaporizhzhia, 55%, e na de Kherson, quase 69%.

Com Putin, disputam apenas três parlamentares que não são grandes opositores do Kremlin, garantindo que o atual líder renove o poder para um quinto mandato.

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Maria Zakharova, declarou em entrevista à Tass que “os países ocidentais tentaram de todas as formas boicotar as eleições presidenciais na Rússia, inclusive com o uso de agentes de influência ou simplesmente mercenários” entre as fileiras da oposição, mas não conseguiram.

Deixe um comentário